6 tipos de negócios que dão certo em tempos de crise econômica
21 de setembro de 2015
Aprenda por que e como fazer a análise de viabilidade de um negócio
3 de outubro de 2015
Exibir tudo

10 elementos que não podem faltar no seu plano de negócios

Um empreendedor preparado para os desafios do mercado é aquele que elabora um plano de negócios minucioso e realista. Esse documento serve tanto para o próprio empreendimento, como norteador das atividades da empresa; quanto para eventuais colaboradores externos (investidores, parceiros comerciais, etc).

Assim, a composição de um plano de negócios tem como elementos essenciais a missão da empresa, suas estratégias de marketing e controle financeiro, um planejamento tributário adequado às demandas do negócio, bem como as ideias de crescimento para o futuro, entre outros.

Quer saber um pouco mais sobre esses elementos essenciais para a montagem de um plano de negócios? Confira nossa lista:

Missão da empresa

Qual é a missão de sua empresa? Qual é o objetivo dela, de sua existência no mercado? É essencial que uma empresa possua um conjunto de valores essenciais à realização dos negócios que ela pretende oferecer.

Esses valores formam a missão do empreendimento. No caso de uma empresa que atua no setor de serviços, por exemplo, é possível que sua missão final seja o respeito integral ao cliente e à ética profissional na prestação desses serviços.

O importante é que a missão escolha aquilo que mais reflita a verdadeira identidade de sua empresa, a partir da qual será possível traçar as diretrizes para a atuação de seus profissionais no dia a dia dos negócios.

Ideias centrais do seu negócio

Imagine que a missão da empresa está representada por um polegar de sua mão. Os outros quatro dedos devem representar as ideias centrais do negócio. Ou seja, é preciso escolher o máximo de quatro objetivos essenciais à consecução de atividades no dia a dia da empresa.

Recomendamos para você:  NPS: Como avaliar a satisfação de clientes e melhorar os resultados de sua empresa (de forma simples, rápida e fácil)

Essa forma objetiva e concisa de reunir a missão e as ideias centrais do negócio em apenas uma mão é importante para que seu plano de negócios seja objetivo e focado.

Metas

Como atingir a missão da empresa? Qual a melhor forma de colocar em prática os quatro objetivos centrais de seu negócio? Estabelecer metas é uma forma de traduzir essas ideias para a realidade.

As metas devem ser ambiciosas o suficiente para demonstrar onde sua empresa pretende chegar no futuro, mas também realistas o bastante para não desmotivar ou frustrar seus colaboradores por meio de objetivos inatingíveis.

O estabelecimento de metas para a execução de um plano de negócios também deve conter limites de tempo para verificar seu cumprimento, bem como formas de mensurar os resultados do negócio, seja por meio dos rendimentos, do número de clientes, ou da quantidade de serviços prestados.

Objetividade na hora de apresentar o plano de negócios

Um plano de negócios precisa ser conciso e objetivo, para que seus objetivos não se percam em meio a discursos retóricos e ineficientes. Investidores, colaboradores, fornecedores e time de gerência devem encontrar no plano de negócios uma fonte confiável, rápida e sintética de informações sobre sua empresa.

Controle financeiro

O planejamento financeiro de uma empresa deve fazer parte do plano de negócios, já que informações sobre fluxo de caixa, alocação de patrimônio, controle de despesas, etc., são informações vitais para determinar a viabilidade de um empreendimento.

Além disso, o controle financeiro deve prever o acompanhamento, por meio de profissionais especializados (contadores, CFOs, etc.), dos resultados e dia a dia das finanças da empresa.

Recomendamos para você:  Gestão e Práticas Administrativas: Como fidelizar meus clientes

Por mais que seu empreendimento seja orientado na atividade-fim do negócio (prestação de um serviço, fabricação de um produto, entre outros), é imprescindível que as finanças da empresa estejam em ordem para que o plano de negócios seja colocado em prática.

Quer mais dicas sobre como fazer um planejamento financeiro anual para sua empresa? Confira nosso outro post clicando aqui.

Estratégia de marketing

Qual é sua estratégia de marketing? Como você pretende que seu empreendimento chegue até seus consumidores e público-alvo? A estratégia de marketing é uma ferramenta essencial à disposição da empresa para prospectar clientes e garantir a expansão dos negócios, principalmente para empreendimentos que estão começando suas atividades.

Qual tipo de mídia será usada? Quais os padrões de comportamento de seu público-alvo? Essas são importantes perguntas, que somente um plano de marketing minucioso poderá responder. Para que seu plano de negócios seja abrangente e efetivo, é necessário prever alguns aspectos da estratégia de marketing de sua empresa!

Planejamento tributário

O planejamento tributário de uma empresa é normalmente negligenciado por empreendedores, mas tem importância fundamental para a realização de escolhas bem informadas sobre o futuro do empreendimento.

Escolher o modelo de recolhimento tributário, por exemplo, pode determinar maiores ou menores rendimentos a distribuir no final do ano. Paralelamente, diferentes formas de estruturação tributária podem representar obrigações variadas em relação ao Fisco federal, estadual e municipal. Seu plano de negócios deve conter um planejamento tributário prévio, para que não haja surpresas futuras com execuções fiscais e multas.

Estudo de viabilidade econômica

O estudo de viabilidade econômica de um plano de negócios leva em consideração diversos aspectos da existência de uma empresa: desde a situação econômica do setor em que se pretende atuar, até aspectos como as expectativas de consumo e demanda de seu público-alvo.

Recomendamos para você:  Atraia mais clientes com essas dicas de marketing

Para complementar esse estudo, é preciso fazer um modelo de negócios, no qual são simulados aspectos como renda mensal, variáveis de produção, custos, expectativa de lucro, entre outros.

Auxílio contábil

Em diversas das etapas da elaboração de um plano de negócios, é necessário o auxílio de profissionais especializados na realização de estudos e operações contábeis. Desde o planejamento tributário, até questões como a viabilidade econômica da empresa, procure contar com a consultoria de ajuda especializada — é um investimento que vale cada centavo!

Espaço para ajustes e flexibilização

Nenhum plano de negócios pode ser imutável. Deve haver espaço para ajustes, principalmente se sua empresa estiver iniciando suas operações. Se for um mercado cuja atuação é pioneira e inovadora, esse espaço para flexibilização do plano é ainda mais importante.

É imprescindível que suas metas sejam ajustadas na eventualidade de uma crise econômica, bem como que o planejamento tributário seja revisado em caso de superação de faixas de contribuição, por exemplo.

Analise, revise, realize mudanças e não tenha medo de ajustar seu plano de negócios à nova realidade de sua empresa.

E você, tem alguma outra sugestão do que deve entrar no plano de negócios de uma empresa? Contribua para nossa lista e deixe aqui nos comentários sua sugestão! Participe! Aproveite também para conferir nossas 4 dicas sobre como aproveitar a alta do dólar para ter mais lucros em sua empresa!

0 Compart.
Compartilhar
Compartilhar
Twittar