MVP e MEI: Como essas siglas podem ajudar a criar um negócio de sucesso

Regularidade Fiscal e os Negócios
CND: Como não deixar sua (ir)regularidade fiscal prejudicar os negócios
agosto 15, 2016
Vantagens e Desvantagens
Conheça as vantagens e desvantagens do Lucro Presumido e do Lucro Real
setembro 2, 2016
Exibir tudo

MVP e MEI: Como essas siglas podem ajudar a criar um negócio de sucesso

Negócio de Sucesso - MVP e MEI

Negócio de Sucesso - MVP e MEI

O Brasil tem se tornado destaque em Empreendedorismo. Existem muito mais pessoas se aventurando e buscando criar um negócio de sucesso.

E você, já pensou em abrir um negócio próprio? Saiba que existem duas palavras que podem ajudar a reduzir os seus riscos. São eles, o MVP (Minimum Viable Product) e o MEI (Microempreendedor Individual).

Descubra como trabalhar com o MVP e com o MEI em conjunto podem te ajudar a criar um negócio de sucesso.

Quer criar um negócio de sucesso? Não ignore o MVP e o MEI

Vamos por partes. O MVP nasceu junto com o movimento de Lean Startup. Nele ao invés de fazer um alto investimento para colocar um negócio de pé, é melhor testar a ideia e ver se ela faz sentido para o mercado.

Desta forma, ao fazer um MVP, você colocar o seu produto de forma mais simples no mercado e gastando o menor valor possível. Assim você consegue testar, adaptar e evoluir antes de realmente investir na ideia. Para saber empresas como o Google e o Facebook se utilizam dos mesmos conceitos para testar novas ferramentas e produtos. Conheça mais dos segredos das empresas que crescem exponencialmente.

Para colocar a sua versão mais simples no mercado você precisará estar legalizado. O MEI é uma ótima opção para abrir uma empresa enquanto o mercado estiver sendo testado. O MEI é um projeto do Governo para regularizar a situação dos pequenos empreendedores que faturem até R$ 60 Mil.

Recomendamos para você:  A importância da conciliação bancária para a sua empresa

Ele se encaixa perfeitamente ao MVP, pois o imposto a ser pago é uma Guia de valor fixo, com valor bem abaixo de outros enquadramentos. Conheça 7 motivos para você se tornar um MEI.

Além disso, abrir a empresa é bastante simples. Basta fazer o cadastro no Portal do Empreendedor e procurar a prefeitura de sua cidade para fazer o cadastro municipal.

A limitação é o valor de faturamento, que deve ser de até R$ 60 Mil ao ano e a possibilidade de contratar apenas um funcionários. Mas convenhamos, pela facilidade de abertura, manutenção e custo é bastante atrativo para testar sua ideia.

Quais são os passos para criar um MVP?

Crie um MVP

Crie um MVP

Vamos imaginar que você faz deliciosos brigadeiros gourmet. E teve a ideia de abrir uma loja com essas delicias (hum) em um bairro de sua cidade.

O conceito do MVP é fácil: Ao invés de ir procurar um ponto e fazer todas as adequações dele, vamos primeiro testar o mercado. Você produz os brigadeiros, coloca em seu carro e vai tentar vender no bairro escolhido.

Nessa venda você consegue verificar a receptividade dos doces, coletar informações sobre preferências dos consumidores e verificar qual é o melhor local para se instalar. Você poderá inclusive a cada dia testar um local diferente.

Todas essas informações servirão para que você seja mais assertivo ao lançar a sua brigaderia e assim ser mais eficiente no investimento.

Vamos entender quais foram os passos até aqui:

  • Primeiro: A ideia e a proposta de valor. Pense na sua proposta de produto e serviço e como ele se diferencia no mercado e para o consumidor.
  • Segundo: Testando o mercado. Com a proposta de valor definida, faça um produto mínimo viável para testar a sua aceitação.
  • Terceiro: Colete informações e interprete. Todos esses testes servirão para coletar informações, é preciso interpreta-los e evoluir o seu produto.
Recomendamos para você:  7 dicas para deixar sua contabilidade mais organizada

Como abrir uma empresa como MEI?

Para abrir uma empresa como MEI basta fazer um cadastro no Portal do Empreendedor.

Neste cadastro, separe o seu CPF, RG, Título de Eleitor e número do recibo da última Declaração de Imposto de Renda entregue. Você precisará destes dados durante o cadastro.

Ao final do Cadastro você terá o seu CNPJ e Inscrição Estadual nos casos aplicáveis. Após ele procure a Prefeitura para fazer o cadastro de contribuinte municipal e tirar o Alvará de funcionamento.

Após formalizada a empresa você terá como obrigações pagar a DAS (Documento de Arrecadação de Impostos) e realizar a Declaração Anual do MEI. Saiba como fazer a declaração anual do MEI, passo a passo.

Se eu faturar acima do limite do MEI o que acontece?

Limite de Faturamento - MEI

Limite de Faturamento – MEI

Uma dúvida comum para aqueles que abrem uma MEI é o que acontece se faturar acima do limite permitido.

É preciso ficar atento as situações de excesso de receita pois elas geram consequências sobre a empresa e a necessidade de comunicação para a Receita Federal.

Existem duas situações de desenquadramento:

  • Exceder o Limite de Faturamento em até 20%: Neste caso, o MEI será desenquadrado do regime com efeito em janeiro do próximo ano fiscal, quando passará a recolher impostos pelo Simples Nacional.

A diferença de impostos relativos ao excesso de faturamento deverá ser paga no vencimento da primeira DAS, calculada pelo Simples Nacional após o desenquadramento, sem os acréscimos legais.

  • Exceder o Limite de Faturamento acima de 20%: Caso isso ocorra, o MEI será desenquadrado do regime com efeitos retroativos a janeiro do próprio ano ou no início da atividade no primeiro ano.
Recomendamos para você:  5 passos para dominar seu mercado em 2014

Neste caso, as diferenças de impostos deverão ser recolhidas pelo Simples Nacional, calculado com acréscimos legais de forma imediata.

Portanto, é importante ficar atento, se o seu MVP for um sucesso, procure um contador para que ele oriente sobre o desenquadramento e os ajustes necessários na empresa. Tenha sempre um contador, conheça 8 motivos para contratar esse profissional para sua empresa.

Conclusão

Abrir uma nova empresa ou negócio é considerado um investimento de risco. Uma forma de minimizar os riscos é testar o mercado com sua ideia e proposta de valor.

Criar um MVP é uma ótima oportunidade de fazer isso. O MVP utiliza os conceitos de Lean Startup o que consegue agilizar os testes de produtos, adaptar e evoluir rapidamente.

Mas para lançar o MVP é importante estar regularizado. Uma ótima alternativa para isso é abrir um MEI. Ele é rápido, simples e tem baixo custo.

O único ponto é que existe um limite de receita. É importante ficar atento a isso e no caso de sucesso procurar a ajuda de um contador. Um contador poderá apoiar nos processos de desenquadramento, na regularização de um novo enquadramento societário e é peça chave para o sucesso da empresa.

Seguindo esses passos, você ficará mais perto de ter um negócio de sucesso e operar ele sem os riscos iniciais de premissas de mercado.

Regina Fernandes
Regina Fernandes
Contadora, pós graduada em Marketing com especialização em Gestão de Projetos. É sócia proprietária da Capital Social Contabilidade e Gestão. Website: www.capitalsocial.cnt.br